O Fim Está Próximo! Fique Firme!

por Brian Shilhavy
Editor, Health Impact News

As notícias são tão sombrias atualmente, e o futuro parece tão sombrio, que é fácil ser tentado a desistir de toda esperança, especialmente se você se sentir sozinho e as pessoas ao seu redor que você pensava que conhecia, agora estão contra você porque você se recusa a desistir da verdade que, pelo menos para você, parece tão óbvia.

Portanto, quero fazer uma pausa por um minuto e apenas escrever uma mensagem de esperança para todos vocês que se sentem tão sozinhos, e apenas incentivá-los a que NÃO estão sozinhos e que, se permanecerem firmes, dias melhores virão.

O fim está próximo.

Claro, para que essa afirmação tenha algum significado, primeiro temos que definir “o fim”.

O fim dos tempos, ou o fim deste mundo como o conhecemos, é talvez melhor definido no último capítulo da carta de Paulo aos crentes que viviam na cidade de Corinto no primeiro século, e preservados para nós no Escrituras Antigas .

O contexto para este capítulo é aquele em que Paulo está lidando com uma crença comum durante sua época de que não havia ressurreição dos mortos.

Portanto, todo o capítulo é uma defesa da doutrina da ressurreição dos mortos, começando com a ressurreição histórica de Jesus que aconteceu alguns anos antes de esta carta ser escrita.

Mas se é pregado que Cristo ressuscitou dos mortos, como alguns de vocês podem dizer que não há ressurreição dos mortos?

Se não houver ressurreição dos mortos, nem mesmo Cristo ressuscitou. E se Cristo não ressuscitou, nossa pregação é inútil, assim como sua fé.

Mais do que isso, somos então considerados testemunhas falsas sobre Deus, pois testemunhamos sobre Deus que ele ressuscitou Cristo dentre os mortos.

Mas ele não o ressuscitou se de fato os mortos não ressuscitam. Pois, se os mortos não ressuscitaram, então Cristo também não ressuscitou.

E se Cristo não ressuscitou, sua fé é fútil; você ainda está em seus pecados. Então, também aqueles que dormiram em Cristo estão perdidos.

Se apenas para esta vida temos esperança em Cristo, devemos ser mais lamentados do que todos os homens.

Mas Cristo realmente ressuscitou dos mortos, as primícias dos que dormem. Porque, visto que a morte veio por um homem, a ressurreição dos mortos também veio por um homem.

Pois, assim como em Adão todos morrem, em Cristo todos serão vivificados. (1 Coríntios 15: 12-22)

Portanto, é neste contexto da ressurreição dos mortos que Paulo define o que “o fim” significa.

Mas cada um por sua vez: Cristo, as primícias; então, quando ele vier, aqueles que pertencem a ele.

Então o fim virá, quando ele entregar o reino a Deus Pai, após ter destruído todo o domínio, autoridade e poder .

Pois ele deve reinar até que tenha posto todos os seus inimigos sob seus pés . O último inimigo a ser destruído é a morte.

Pois ele “colocou tudo sob seus pés”. Agora, quando se diz que “tudo” foi submetido a ele, é claro que isso não inclui o próprio Deus, que tudo submeteu a Cristo.

Depois de fazer isso, o próprio Filho se sujeitará àquele que tudo lhe submeteu, para que Deus seja tudo em todos. (1 Coríntios 15: 23-28 – ênfase minha.)

Embora haja uma tremenda quantidade de verdade e significado nesses versículos, observe o texto que destaquei que afirma que o fim virá quando Jesus Cristo “ destruir todo domínio, autoridade e poder ”.

Esses termos não se referem apenas a governantes físicos e governos de países, mas também aos poderes espirituais do mundo que se opõem a Cristo, Satanás e seus subordinados. Os termos também são usados ​​em Efésios, capítulo 6, por exemplo.

Pois nossa luta não é contra carne e sangue, mas contra os governantes, contra as autoridades, contra os poderes deste mundo escuro e contra as forças espirituais do mal nos reinos celestiais. (Efésios 6:12)

Portanto, isso ainda não aconteceu, mas ao observar o que tem acontecido no mundo nos últimos dois anos desde que o COVID-19 foi desencadeado e o lançamento das injeções demoníacas que eles chamam de “vacinas” que estão mutilando e matando milhões, pareceria que este grupo espiritual de demônios ao redor de Satanás parece entender que seu tempo é curto, e que este evento predito nas Escrituras está para acontecer em breve .

Agora, para ter uma visão oposta, que é observar que quando isso foi escrito no primeiro século os crentes também acreditavam que esse tempo estava muito próximo, e aqui estamos nós mais de 2.000 anos depois, e ainda não aconteceu, é dizer que cada geração enfrentou o mal como este, e que os eventos que temos observado nos últimos dois anos não significam necessariamente que o fim está próximo.

Entendi. E há alguma lógica nisso.

Uma maneira de olhar para a história é observar que houve épocas em que ocorreu o “fim” de uma era, embora não fosse o “fim final” conforme definido por Paulo nesses versículos.

Para os crentes do primeiro século, muitos dos quais eram judeus étnicos, o fim de sua era e o fim da Aliança Mosaica aconteceu.

O centro de sua religião, a cidade de Jerusalém e o Templo, foram destruídos em 70 DC.

Existem dois outros períodos da história registrados na Bíblia onde um “fim” veio, mas não foi o “fim final”.

Um é o dilúvio mundial que reduziu enormemente a população mundial onde apenas uma família sobreviveu, a família de Noah.

A segunda é a história da Torre de Babel, a última vez que o mundo teve um único governo mundial. Essa era também foi encerrada por Deus:

Mas o Senhor desceu para ver a cidade e a torre que os homens estavam construindo.

O Senhor disse: “Se, como um povo falando a mesma língua, eles começaram a fazer isso, então nada do que planejam fazer será impossível para eles.

Venha, vamos descer e confundir a linguagem deles para que não se entendam. ” O Senhor os espalhou dali por toda a terra, e pararam de construir a cidade.

Por isso se chamava Babel – porque ali o Senhor confundiu a linguagem do mundo inteiro. Dali o Senhor os espalhou por toda a terra. (Gênesis 11: 5-9)

Acho que podemos dizer com segurança, portanto, que “o fim está próximo”. Ou todo o fim dos tempos, onde Cristo derrota Satanás e todo o seu exército demoníaco que atualmente governa o mundo, ou alguma derrota importante para Satanás, onde há uma “Grande Restauração” com uma redução massiva da população mundial.

Agora eu sei que toda vez que escrevo um artigo como este que discute o “fim dos tempos”, que há muitas pessoas bastante certas e dogmáticas sobre suas crenças sobre como o fim dos tempos vai se desenrolar, e elas me enviarão um e-mail ou tentarão comentar dando seus pontos de vista como se seu ponto de vista fosse o único correto.

Mas eu não afirmo saber exatamente como o fim dos tempos acontecerá, e de acordo com as palavras do próprio Jesus registradas na Bíblia, estou em boa companhia.

Ninguém sabe sobre aquele dia ou hora, nem mesmo os anjos no céu, nem o Filho, mas apenas o pai.

Como foi nos dias de Noé, assim será na vinda do Filho do Homem.

Pois nos dias anteriores ao dilúvio as pessoas comiam e bebiam, casavam-se e davam-se em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca; e eles não sabiam nada sobre o que aconteceria até que veio o dilúvio e os levou embora.

Assim será na vinda do Filho do Homem. (Mateus 24: 36-39)

É por isso que os crentes são ensinados nas Escrituras a viver um estilo de vida “preparado”, esperando que o fim possa vir a qualquer momento.

Porque se pudéssemos saber as datas e horários exatos, a maioria de nós viveria nossas vidas de forma muito diferente, adiando muitas coisas para o último minuto.

Nesse ínterim, em nossa preparação, devemos permanecer firmes contra as forças do mal e contar às outras pessoas as boas novas de que o fim virá quando Jesus restaurar tudo, derrotando Satanás e entregando o Reino ao Pai.

Neste capítulo de 1 Coríntios, Paulo define essas “boas novas” conhecidas como “o evangelho”.

Agora, irmãos, quero lembrá-los do evangelho que lhes preguei, que vocês receberam e sobre o qual tomaram sua posição.

Por este evangelho você é salvo, se você se apegar firmemente à palavra que eu preguei a você. Caso contrário, você acreditou em vão.

Pois o que recebi, passei a vocês como o mais importante: que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, que foi sepultado, que ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras. (1 Coríntios 15: 1-4)

Essas verdades, que incluem a mensagem do “evangelho”, mas também todas as verdades sobre o Reino de Deus, incluindo o fato de que Cristo retornará à terra e destruirá Satanás e seu exército, devem guiar nossa vida inteira.

E viver por essas verdades nos torna inimigos do sistema mundial atualmente governado por Satanás, o que significa que quaisquer crenças que temos que nos fazem pensar que merecemos uma vida fácil e despreocupada, é uma mentira do próprio Satanás.

O verdadeiro crente que vive por essas verdades é SEMPRE um crente perseguido que tem que passar por grandes dificuldades. Sempre foi assim, e sempre será, até o fim final onde Cristo retorna.

E quanto a nós, por que nos arriscamos a cada hora? Eu morro todos os dias – quero dizer, irmãos – tão certamente quanto me glorio sobre vocês em Cristo Jesus nosso Senhor.

Se lutei contra feras em Éfeso por motivos meramente humanos, o que ganhei?

Se os mortos não ressuscitarem, “vamos comer e beber, porque amanhã morreremos.”

Não se deixe enganar: “A má companhia corrompe o bom caráter.”

Volte aos seus sentidos como deveria e pare de pecar; pois há alguns que ignoram a respeito de Deus – digo isso para sua vergonha. (1 Coríntios 15: 30-34)

Portanto, precisamos pressionar contra a enorme ilusão que estamos vendo atualmente entre as massas, porque o resultado final será a nossa vitória!

Mas graças a Deus! Ele nos dá a vitória por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.

Portanto, meus queridos irmãos, permaneçam firmes. Não deixe nada mover você. Sempre se entreguem totalmente à obra do Senhor, porque vocês sabem que o seu trabalho no Senhor não é em vão. (1 Coríntios 15: 57-58)

Há mais coisas que eu gostaria de escrever, mas eu realmente sinto que o Espírito Santo quer que eu mantenha este artigo positivo, como uma mensagem de esperança, porque todo esse ataque demoníaco à raça humana já está acontecendo há dois anos, e Eu sei que muitos de vocês estão cansados, assim como eu.

Apenas lembre-se, o convite de Jesus Cristo para entrar em seu reino espiritual está disponível para TODOS, independentemente de raça, religião ou qualquer coisa de ruim que você possa ter feito anteriormente em sua vida e se sentir culpado.

E isso inclui aqueles de vocês que foram tolos o suficiente para conseguir uma injeção COVID-19. Estou chocado com algumas dessas vozes na Mídia Alternativa que estão dizendo a pessoas como você que você está perdido sem esperança agora porque você atirou, e que você não pode ser salvo ou curado agora.

Isso não é verdade! Não há NADA que pode separar você do amor de Deus, se você decidir recebê-lo, e o amor dele traz grande cura para qualquer pessoa, independentemente do que você fez no passado.

Quem é o que condena? Cristo Jesus, que morreu – mais do que isso, que ressuscitou – está à direita de Deus e também intercede por nós.

Quem nos separará do amor de Cristo? Haverá problemas ou dificuldades ou perseguição ou fome ou nudez ou perigo ou espada?

Como está escrito: “Por sua causa enfrentamos a morte o dia todo; somos considerados ovelhas a serem abatidas ”.

Não, em todas essas coisas somos mais que vencedores, por aquele que nos amou.

Pois estou convencido de que nem a morte nem a vida, nem os anjos nem os demônios, nem o presente nem o futuro, nem quaisquer poderes, nem altura, nem profundidade, nem qualquer outra coisa em toda a criação, serão capazes de nos separar do amor de Deus que está em Cristo Jesus nosso Senhor. (Romanos 8: 34-39)

Jesus Cristo tem o poder de recriar sua vida espiritualmente e fazer de você uma nova pessoa!

Pois o amor de Cristo nos impele, porque estamos convencidos de que um morreu por todos e, portanto, todos morreram.

E ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou.

Portanto, de agora em diante, não consideramos ninguém de um ponto de vista mundano. Embora uma vez tenhamos considerado Cristo dessa maneira, não o fazemos mais.

Portanto, se alguém está em Cristo, é uma nova criação; o velho se foi, o novo chegou! (2 Coríntios 5: 14-17)

Nada é impossível para Deus que ama regar seus filhos com bons presentes. Jesus respondeu: “O que é impossível aos homens é possível a Deus”. (Lucas 18:27)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.